itau-propoe-acordo-para-pcr-20172018-e-contraf-cut-orienta-a_5b835bf9048591110bbb4be40bb25069

Imagem: Reprodução Lopes
Nesta segunda feira, 21 de maio, o Itaú Unibanco anunciou que reduziu em 0,2% suas taxas de financiamento imobiliário.
No Sistema Financeiro da Habitação (SFH), a taxa caiu de 9% para 8,8% mais a Taxa Referencial (TR). No Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI) a taxa caiu de 9,5% para 9,3% mais TR.
Em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Distrito Federal o SFH financia imóveis de até R$950 mil. Para todos as outras cidades o financiamento é de até R$800 mil. Já o SFI financia imóveis em que os valores são acima dos limites admitidos pelo SFH.
A Caixa e o Santander já haviam anunciado a redução das taxas de financiamento no final de abril, antes do Copom manter a taxa básica de juros, Selic, encerrando um ciclo de 12 cortes.
As novas taxas começarão a valer a partir de amanhã, dia 22 de maio, variando de acordo com o perfil do cliente e seu relacionamento com o Itaú. Para ter o crédito imobiliário do banco com taxas competitivas não é preciso adquirir outros produtos.
O saldo total da carteira de crédito imobiliário do Itaú nesse primeiro trimestre atingiu o valor de R$40 bilhões. Comparando com o ano anterior, houve um acréscimo de 26% no volume de financiamentos autorizados. Além disso, o banco fez duas reduções no cheque especial e diminuiu a taxa da linha para 11,5%.
Para quem gosta de otimizar seu tempo, há a possibilidade de contratar crédito de forma digital pelo internet banking. Mais de 2,6 mil contratos foram expedidos dessa maneira.
Com tudo isso, há uma melhoria no setor e certamente um incentivo para o aquecimento do mercado imobiliário.
Fonte: Redação Lopes

maio 22nd, 2018

Publicado em: Mercado Imobiliário, Todos os posts

Tags:, , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *